Finalmente!



Finalmente, Michel Houellebecq ganha o Goncourt. Para quem ainda não leu, um conselho: leiam. E sim, estou a utilizar o imperativo.

1 comentário:

José disse...

Li dois, apreciei bastante. Acho sempre que os grandes escritores não deveriam ganhar grandes prémios, porque correm maior risco de se acomodar, mas a ver vamos como corre. O «Plataforma» é um livro maravilhoso, carambas. E também me satisfez o lançamento do Bukowski, que está longe de ser «um dos meus», mas que tentarei ler.