(...)


Tento levantar-me todos os dias às 7h30m. Tenha algo para fazer, ou não. Na realidade, as únicas coisas que tenho para fazer são: levantar-me, duche, vestir-me, pequeno almoço, vir escrever estas insignificâncias, ler as últimas dos jornais, tomar a bica, sair, fazer compras, pensar no almoço, ler, ouvir música, procurar emprego, preparar o almoço, caso seja necessário pôr a máquina a lavar roupa, estender a roupa, limpar o pó e aspirar caso seja necessário, ler, ouvir música (está quase sempre em non-stop), sair, esticar as pernas numa pequena e insignificante caminhada, pensar no jantar, ler, preparar o jantar, procurar emprego, desistir de procurar emprego e pensar que o país não me merece. Rotina diária. Nada de especial.

Sem comentários: